Vamos falar de coisa séria

Os eleitores do Tocantins voltaram às urnas neste domingo (24) para escolher quem vai governar o Estado no mandato tampão, até o dia 31 de dezembro. A votação está sendo realizada das 8 às 17 horas. Os eleitores podem escolher entre os candidatos: Mauro Carlesse (PHS) e Vicentinho Alves (PR).

A insegurança política ocorre nacionalmente e o brasileiro tem sentido no bolso os reflexos que podem ser vistos na inflação, por exemplo. No Tocantins não é diferente. O comércio permanece parado. Entro em várias lojas para produzir material para o Blog e o que escuto dos comerciantes são reclamações. A crise política para os tocantinenses não é novidade. Cassação de mandato do governador e mandato tampão tem se tornado comum por aqui.trama-feminina-blog-multidão-lego-eleição

Não gosto de discutir política e religião. Por isso, não entrarei nesse mérito. Acredito ser assuntos pessoais e que não cabe ao próximo “julgar”, como muitos fazem. Conheço pessoas que brigam durante o período eleitoral, do tipo de ficar sem se ver e falar. Simplesmente não entendo! Vai saber o que se passa na cabeça de cada um…

O que gostaria de destacar aqui é a cultura do “não voto” que representou 443.414 eleitores no primeiro turno (43,54%), quase a metade do total. Sendo o número de abstenções (30,14%), nulos (17,13%) e brancos (2,06%). Entendo a insatisfação dos eleitores, mas não tenho certeza de que esse manifesto seja o caminho.

Penso que, ao se anular como eleitor, você está dando o poder de voto para outros. Se continuar crescendo o número de “não voto” o poder de decisão ficará nas mãos da minoria. Isso parece correto para você? Por que muitos lutaram no passado pelo direito de votar? Seria o mesmo que ficar reclamando e não fazer nada para tentar mudar a situação.

Muitos reclamam de ter de ir votar novamente, mas será se essa pessoa contribuiu ou não para a existência do segundo turno? Não lembro de nenhuma eleição para governador no Tocantins com tantas opções como a do primeiro turno e, ainda assim, muitos falavam que nenhum candidato era bom. Para essas pessoas pergunto se já tentaram se candidatar? Se não, outubro está aí!

Votei no primeiro turno e hoje fui novamente pela manhã. Assustei com a tranquilidade. Não tinha fila na minha seção. Cheguei e votei. Conversei com as mesárias que confirmaram que até o momento (cerca de 11h) estava parado.

Difícil cobrar se o cidadão não cumpre com suas obrigações cívicas. Essa é minha opinião. Se os dois são ruins, escolha o menos ruim. Mas, participe! Tenha opinião e se faça presente. #prontofalei

Entenda

A eleição suplementar ocorre devido a cassação do ex-governador Marcelo Miranda (MDB) e da vice Cláudia Lelis (PV) em março pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).  Desde então o presidente da Assembleia Legislativa, Carlesse, assumiu o governo de forma interina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s