Apego aos personagens

Alguém aí sofre quando um personagem querido se despede da série? Eu sofro a cada morte ou saída de cena. Sem exagero eu xingo, choro e fico um tempo sem assistir porque fico muito grilada. Até acalmar os nervos mudo de série. Motivo pelo qual nunca terminei de assistir Grey’s Anatomy.

Mãe! | Um filme estranho…

Um filme que não tenho muito o que dizer. Uma palavra que define o longa na minha opinião: Estranho. Diferente dos demais textos sobre filmes que amo fazer e até solto spoiler sem querer devido a empolgação, nesse caso foi frustrante. O que dificulta até a passar o feedback. Esse post é mais um alerta: Não assista ao filme, exceto se você gostar de filmes abstratos.

Viva: A vida é uma festa

Miguel é um menino que sonha em ser um músico famoso. O problema é que sua família desaprova. A aventura é inspirada no feriado mexicano do Dia dos Mortos. O tema central gira em torno do sonho do garoto e no decorrer da trama ocorrem muitas reuniões familiares. Cenas que muitos já viveram ou presenciaram com a mãe, avó ou tia brava. Haha… quem nunca?!

Star Wars – Os Últimos Jedi

O filme foi engraçado, característica dos filmes de Star Wars, porém polêmico. O público ficou bem definido entre os que gostaram e os que detestaram o longa. Cheguei a ler em algum site, que não me recordo agora, que rolou até um abaixo-assinado para a Disney retirar o 8º filme da saga. Faço parte da galera que gostou, mas reconheço que foi um filme diferente. Tenho algumas considerações a fazer.

The Walking Dead caminha em círculo

Desde a morte do personagem Governador a série, ao meu gosto, vem caindo. Tipo em queda livre. A chegada do novo vilão Negan causou alvoroço e acendeu a chama da esperança de que a série retomaria ao nível do enredo inicial. Sem dúvida a morte do Glenn foi impactante, deu o que falar. Fez falta e contribuiu para uma reviravolta. No entanto, até o momento a série segue em círculo. Nada de novo para acrescentar.

Filme: Liga da Justiça

A DC Comics acertou em cheio novamente. Depois do filme arrebatador da Mulher-Maravilha, Liga da Justiça chegou para arrancar gargalhadas do público, suspiros femininos (Que elenco!) e amenizar Batman vs Superman. Resumo do filme: “Filmaço”, empolgante, show! É só elogios mesmo. Simplesmente amei e vou explicar o porquê. Vem comigo.

Só mais um episódio…

Gostaria de aproveitar essa postagem para justificar a ausência nessa seção do Blog. Já que não tenho escrito muito sobre séries e filmes nos últimos dias. Pretendo voltar a alimentar essa parte no Trama Feminina, pois é uma das minha favoritas. Amo, amo e amo! Simples assim. Tem coisa melhor que ir ao cinema ou chegar em casa e ligar a TV na sua série favorita ou a que você tem acompanhado no momento? Eu desconheço. Mentira, eu trocaria por uma ida a pizzaria. Mas se puder ser delivery já viu a perfeição né?!