Sex And The City ainda atual

Há cerca de três meses comecei a assistir a série Sex And The City do começo. Anteriormente acompanhei de maneira aleatória. Busquei no Netflix algo similar e não encontrei, bem como também não achei nada atual semelhante. Para muitos são séries de mulherzinha. Eis o engano, as quatro amigas são tudo menos mulherzinha.

La Casa de Papel

Essa série disponível no Netflix tem dado o que falar e não para menos. Um plano praticamente perfeito! Oito assaltantes se trancam com reféns na Casa da Moeda da Espanha. Enquanto o líder manipula a polícia do lado de fora. Mas uma sequência de imprevistos no decorrer da trama deixa a dúvida se eles conseguirão ou não executar o maior roubo da história.

Apego aos personagens

Alguém aí sofre quando um personagem querido se despede da série? Eu sofro a cada morte ou saída de cena. Sem exagero eu xingo, choro e fico um tempo sem assistir porque fico muito grilada. Até acalmar os nervos mudo de série. Motivo pelo qual nunca terminei de assistir Grey’s Anatomy.

Mãe! | Um filme estranho…

Um filme que não tenho muito o que dizer. Uma palavra que define o longa na minha opinião: Estranho. Diferente dos demais textos sobre filmes que amo fazer e até solto spoiler sem querer devido a empolgação, nesse caso foi frustrante. O que dificulta até a passar o feedback. Esse post é mais um alerta: Não assista ao filme, exceto se você gostar de filmes abstratos.

Viva: A vida é uma festa

Miguel é um menino que sonha em ser um músico famoso. O problema é que sua família desaprova. A aventura é inspirada no feriado mexicano do Dia dos Mortos. O tema central gira em torno do sonho do garoto e no decorrer da trama ocorrem muitas reuniões familiares. Cenas que muitos já viveram ou presenciaram com a mãe, avó ou tia brava. Haha… quem nunca?!

Star Wars – Os Últimos Jedi

O filme foi engraçado, característica dos filmes de Star Wars, porém polêmico. O público ficou bem definido entre os que gostaram e os que detestaram o longa. Cheguei a ler em algum site, que não me recordo agora, que rolou até um abaixo-assinado para a Disney retirar o 8º filme da saga. Faço parte da galera que gostou, mas reconheço que foi um filme diferente. Tenho algumas considerações a fazer.

The Walking Dead caminha em círculo

Desde a morte do personagem Governador a série, ao meu gosto, vem caindo. Tipo em queda livre. A chegada do novo vilão Negan causou alvoroço e acendeu a chama da esperança de que a série retomaria ao nível do enredo inicial. Sem dúvida a morte do Glenn foi impactante, deu o que falar. Fez falta e contribuiu para uma reviravolta. No entanto, até o momento a série segue em círculo. Nada de novo para acrescentar.